QUEM SOMOS NÓS

Minha foto
Somos uma organização marxista revolucionária. Procuramos intervir nas lutas de classes com um programa anticapitalista, com o objetivo de criar o Partido Revolucionário dos Trabalhadores, a seção brasileira de uma nova Internacional Revolucionária. Só com um partido revolucionário, composto em sua maioria por mulheres e negros, é possível lutar pelo governo direto dos trabalhadores, como forma de abrir caminho até o socialismo.

terça-feira, 13 de maio de 2014

Todo apoio à greve dos trabalhadores rodoviários do Rio!


Tem momentos na história da luta por direitos dos trabalhadores que ficam marcados na memória. Esse ano tem tudo para ser um desses momentos.

Parece que finalmente o ascenso, sem programa e conteúdo político definido claro, do ano passado, está dando alguns frutos. A coragem e ousadia de parte dos manifestantes que saíram às ruas com a vontade honesta de lutar por uma sociedade minimamente melhor, inclusive dispostos a enfrentar os cães de guarda do Estado, a famosa PM do Rio; conseguiu soprar um pouco de inspiração na classe trabalhadora, que é o sujeito principal na luta contra o Estado.

Esse ano, já tivemos um dos exemplos mais emblemáticos na luta de classes carioca e brasileira. A greve mais que vitoriosa dos garis no carnaval que conseguiu arrancar com os dentes o aumento salarial de 37% das mãos do Governo. Mesmo com ameaças de demissões, agressões da polícia, a categoria permaneceu unida e não recuou um centímetro nessa luta memorável. Um exemplo para se aprender e contar pras gerações futuras de militantes.

Agora, temos novamente mais um exemplo, tão importante quanto a luta dos garis, acontecendo hoje. Os trabalhadores rodoviários estão engajados na greve da categoria mais forte e radicalizada dos últimos anos. Milhares de trabalhadores permanecem unidos na mobilização e na luta contra os seus patrões e o Estado, por condições dignas de trabalho, aumento salarial, fim da dupla função e da exploração abusiva (cobrança
arbitrária de passagens de idosos, deficientes físicos e estudantes do bolso dos trabalhadores rodoviários).

O que mais chamou a atenção na quinta feira passada foi o nível de organização e coragem dos grevistas. Foi impressionante ver o comprometimento das companheiras e dos companheiros com a causa de sua luta. Piquetes, que há muito não se via, foram organizados eficientemente. Chaves de ônibus sumiram, impedindo a circulação. Fura greves expulsos dos postos de trabalho. Um grande evento da verdadeira luta de classes foi visto na quinta-feira passada.

Hoje, os companheiros não diminuíram o ritmo. Mesmo com a polícia mobilizada como guarda costas dos fura greve e das empresas de ônibus, menos de 10% dos ônibus deixaram as garagens. Uma verdadeira vitória!

Manifestamos aqui todo nosso apoio à luta dos companheiros rodoviários. Apesar de não termos nenhum militante na categoria, estaremos nos mobilizando para comparecer e ajudar a construir os atos e auxiliar também no que mais for possível.

Cabe ainda ressaltar que a grande mídia é nada mais além de uma corporação criminosa. Já estamos acostumados com o seu lenga lenga, dizendo que qualquer trabalhador em greve está “atrapalhando a população”. De selecionar entrevistas nas ruas e só colocar nas reportagens os comentários tendenciosos para o seu lado. De criminalizar a mobilização e os piquetes feitos pelos trabalhadores. De exaltar a prisão dos grevistas e de nem sequer mostrar nos seus jornais as ações da polícia contra a classe trabalhadora como esta.

Fizeram isso com os garis, estão fazendo isso com os rodoviários e farão todas as vezes que a classe trabalhadora ameaçar qualquer movimento que possa ir contra seus interesses criminosos.

Suas mentiras já estão velhas. Boa parte da população já entende como é trabalhar dia após dia para um patrão sem vergonha que enriquece com o suor dos outros, vê vizinhos desaparecendo e morrendo pelas mãos da polícia, vê trabalhadores sendo expulsos de seus locais de moradia. Tudo isso, quando fortunas de bilhões de reais são investidas em obras para a Copa e Olimpíadas. Essas pessoas não baixarão mais a cabeça para seus jornais imundos. Essas pessoas entendem que piquetes são justos para defender a categoria em greve e quer dizer não cruze!! Essas pessoas estão aprendendo com os garis, motoristas, cobradoras e cobradores.

Por isso, chamamos a todos que estão cansados da mídia mentirosa, da polícia criminosa, dos patrões bandidos e do Estado dos ricos; para comparecer num ato amplo, composto pelas categorias em greve nesta Quinta-feira (15/05), 16h, na Central do Brasil. É o Dia Internacional contra a Copa!


- Todo apoio à greve dos trabalhadores e trabalhadoras do setor rodoviário!

- Atendimento integral às reivindicações dos trabalhadores: aumento salarial de 40%, reajuste do tíquete alimentação. Fim imediato da dupla função!

- Pela criação de comitês independentes de trabalhadores por empresa de ônibus para apurar os abusos das empresas de ônibus.

- Comparecer ao ato do dia 15 de Maio, na Central do Brasil, às 16h.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais lidas nesse mês:

Mais lidas do blog:

SEGUIDORES