QUEM SOMOS NÓS

Minha foto
Somos uma organização marxista revolucionária. Procuramos intervir nas lutas de classes com um programa anticapitalista, com o objetivo de criar o Partido Revolucionário dos Trabalhadores, a seção brasileira de uma nova Internacional Revolucionária. Só com um partido revolucionário, composto em sua maioria por mulheres e negros, é possível lutar pelo governo direto dos trabalhadores, como forma de abrir caminho até o socialismo.

segunda-feira, 30 de março de 2015

Informes sobre as demissões em São Paulo (Erwin Wolf)

segunda-feira, 30 de março de 2015
Informes sindicais no Estado de São Paulo


Abaixo vão os informes passados pelo camarada metalúrgico Erwin Wolf, que integra o nosso comitê paritário através da Liga Comunista, referentes às lutas dos trabalhadores em São Paulo agora em fins de março.

São Bernardo do Campo

Burocracia do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC faz acordo com a Ford de São Bernardo do Campo, trocando (abrindo mão) aumento salarial por abono (PRL) e promessa de estabilidade até 2017. A empresa abriu PDV.

Santo André

A Pirelli foi vendida para o grupo chinês ChemChina (China National Chemical Corp). A operação envolve a quantia de US$ 7,7 bilhões, cerca de R$ 24,6% bilhões. Anteriormente, havia sido anunciada a venda de apenas 26% da empresa, mas, pelo montante acima, a venda deve ser total. "O pessoal está apreensivo, pois ninguém sabe o que vai acontecer depois que a venda se concretizar. O grande medo é que a tecnologia e a produção sejam transferidas para a China, onde a mão de obra é muito mais barata do que a daqui", conforme declaração do presidente do Sindicato dos Trabalhadores Borracheiros da Grande São Paulo e Região, Márcio Ferreira, ao Diário do Grande ABC do dia 27/03.

São Paulo

80% dos cobradores das cooperativas, responsáveis pelo micro-ônibus, já foram demitidos na Capital, em razão de Lei alterada a pedido do prefeito Haddad do PT.

Os motoristas estão sendo obrigados a dirigir e cobrar, porque no final do mês é muito usado o dinheiro, uma vez que o vale-transporte acaba. Isso é muito perigoso, pode ocasionar acidentes, em razão do estresse do motorista ao exercer dupla função. Tivemos experiência nesse sentido quando trabalhamos no Sindicatos do Motorista dos ABC. Na época, final da década de 70, tentaram demitir os cobradores nas viagens intermunicipais, o que teria uma grande repercussão no ABC, porque este é formado por 7 (sete) cidades, sendo que é comum você morar em uma e trabalhar em outra. Mas a luta dos trabalhadores barrou a tentativa. 

No dia 23 de março os trabalhadores do Setor de transportes protestaram contra as demissões.

Isso vai acontecer também com os cobradores do ônibus maiores, porque a Prefeitura subsidia com 1 bilhão de reais ao ano. No ano passado a quantia subsidiada foi superior: 1,7 bilhão de reais. Agora a Prefeitura quer cortar o subsídio. Então, provavelmente os cobradores dos ônibus maiores serão demitidos.


http://espacomarxista.blogspot.com.br/2015/03/informes-sindicais-no-estado-de-sao.html?m=1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais lidas nesse mês:

Mais lidas do blog:

SEGUIDORES