QUEM SOMOS NÓS

Minha foto
Somos uma organização marxista revolucionária. Procuramos intervir nas lutas de classes com um programa anticapitalista, com o objetivo de criar o Partido Revolucionário dos Trabalhadores, a seção brasileira de uma nova Internacional Revolucionária. Só com um partido revolucionário, composto em sua maioria por mulheres e negros, é possível lutar pelo governo direto dos trabalhadores, como forma de abrir caminho até o socialismo.

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Fórum contra o aumento no Rio organiza a participação no dia nacional de lutas e discute como se organizar

A plenária de terça (09/07) aconteceu dentro do IFCS, teve aproximadamente entre 100 ou 200 pessoas. Antes de junho, dificilmente chegava a cem pessoas, então isso mostra que ela conseguiu manter organizados uma parte dos que começaram a se manifestar mês passado.


Mais uma vez, a plenária perdeu um tempo significativo discutindo problemas de organização da mesa e democratização da plenaria, e isto foi consequencia do último rodo de algumas correntes do PSOL, do PSTU na mesa da última plenária, mas acabou que definimos por voto uma mesa de 4 pessoas em sorteio de quem quisesse compor. A mesa sorteada foi mais democrática, incluindo militantes do PSOL, PCR e FIST.


Nós, junto com os companheiros da Oposição Operária (comunista de esquerda) e UNIPA (anarquistas), ajudamos a impedir as tentativas de fraudes no sorteio, organizando uma fila pra pôr as cédulas de sorteio da mesa.


A plenária também delimitou o número de inscrições pra 30 pessoas, e a ordem foi também sorteada. Dessa forma impedimos os rodos das organizações maiores, que costumam inscrever em bloco dezenas de militantes pra impor a sua linha e estender a reunião até ela se esvaziar, o que facilita votarem as suas propostas.


Um companheiro do PSTU, provavelmente refletindo a falta de formação política da base e o monopólio das discussões pela direção dentro do partido, pediu pra votar se quem fosse sorteado poderia passar a fala pra outras pessoas mais experientes (entenda-se "capas" do partido...), e foi derrotado por ampla maioria.


Nós defendemos, junto com o pessoal da OPOP do Rio, uma frente pra intervir pelo método de organização de zonais por local de trabalho, estudo e moradia, pra ampliar o fórum. Como os capas do PSTU e do PSOL acabaram que não foram sorteados, foi muita gente da base falar. Muita gente defendeu organização de zonais distribuidas pelas diferentes regiões do rio, para depois compor ou não as resoluções dessas zonais no fórum.


Ao final, durante os encaminhamentos, reafirmamos todos os pontos reinvindicados na última grande plenária, além de compor com a pauta da redução de tarifas sem redução de salário, defesa da desmilitarização da PM, reivindicação de 10% do PIB para a educação, contra os leilões do petróleo, contra o pacto da Dilma (reconhecendo que o pacto não atende as nossas reais reivindicações e sim as da direita).


Foi aprovado que não haveria coluna diferenciada do fórum dentro do ato das centrais, na verdade todos são livres pra montar as suas colunas ou não (um erro, porque isso dissolve o fórum no ato das centrais!!!). Foi aprovado concentração dos membros do forum 15h na praça XV, para seguir depois pra candelária. Embora o trajeto das centrais seja apenas candelária-cinelândia, decidimos que vamos seguir para a o palacio das laranjeiras depois da cinelandia.


Infelizmente não deu tempo para a gente discutir e aprovar a proposta de organização da OPOP que nós acabamos compondo, porém ficou decidido que na próxima terça haverá outra plenária no ifcs, e que o ponto de organização será o primeiro a ser discutido.


Resumindo: o PSOL( Enlace e CST) e o PSTU se queimaram depois da incapacidade organizativa e burocratização extrema da última plenária. Felizmente a coisa andou, porque podia ter implodido facilmente. Porém os partidos que tem suas respectivas entidades estudantis estão empurrando com a barriga as propostas incessantes de fazer o fórum avançar para um nivel superior de organização e representatividade. Inclusive acreditamos que eles votaram a resolução de dispersar o fórum nos atos das centrais para reforçarem cada um os seus proprios aparatos sindicais nos atos (AMES, UEE, AERJ, ANEL e DCEs...).



Isso nos põe numa dificil tarefa de tentar ganhar a base dessas organizações e os independentes para avançar no nivel de organização e garantir que o forum não acabe e que salte de qualidade. Isso será decidido também no dia 11, porque vamos disputar a base estudantil e operária pra avançar na luta, inclusive isto será "representado" taticamente no ato com a tentativa de levar a base da cinelandia até a sede do governo.

***BANDEIRAS APROVADAS PARA O DIA NACIONAL DE LUTAS***
Plenária do Fórum de Lutas Contra o Aumento das passagens do dia 09/07/2013

1) Ato do dia 11/07

Concentração: Praça XV 
Trajeto: Praça XV - Candelária - Cinelândia - Palácio Guanabara

Eixos políticos: 

- Por um transporte 100% público, gratuito e de qualidade. Que a redução da passagem saia do lucro dos empresários, subsídio não! Pela estatização dos transportes e pela tarifa zero! Pelo fim da jornada dupla e da dupla função! Apoio à CPI dos transportes

- Contra as privatizações e remoções da Copa! Contra a privatização do complexo do Maracanã! Chega de dinheiro pra Copa, mais dinheiro pra saúde e educação

- Contra o pacto da Dilma! Contra o ajuste fiscal e privatizações de Dilma, Cabral e Paes! Pela suspensão do pagamento de juros e amortizações da dívida pública e que esse dinheiro seja investido na educação e e saúde públicas já!

- 10% do PIB para educação já! Royalties é enrolação! 10% do PIB para saúde! Chega de privatizações dos hospitais!

- Contra os leilões do petróleo!

- Fora Cabral! Fora Beltrame!

- Fora Renan! Fora Feliciano! Prisão dos mensaleiros condenados no mensalão!

- Redução da jornada de trabalho sem a redução do salário!

- Contra a criminalização dos movimentos sociais e da pobreza! Liberdade a todos os presos políticos e fim dos processos! Contra a criminalização da ação direta das massas! A favor da auto-defesa das massas!

- Pela desmilitarização da PM!

- Abertura dos arquivos da ditadura e punição dos torturadores e colaboradores!

- Pela democratização da mídia!

- Pela construção do poder popular (a reforma do PT é uma reforma eleitoreira e não política)

2) Ato dia 18/07 (quinta-feira) na casa do Sérgio Cabral.

3) Próxima plenária do Fórum dia 16/07, às 18 horas, no IFCS.
FOI DELIBERADO QUE O PRIMEIRO PONTO DA PRÓXIMA PLENÁRIA SERÁ SOBRE A AUTO-ORGANIZAÇÃO DO FÓRUM E OS MODELOS DE PLENÁRIA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais lidas nesse mês:

Mais lidas do blog:

SEGUIDORES