QUEM SOMOS NÓS

Minha foto
Somos uma organização marxista revolucionária. Procuramos intervir nas lutas de classes com um programa anticapitalista, com o objetivo de criar o Partido Revolucionário dos Trabalhadores, a seção brasileira de uma nova Internacional Revolucionária. Só com um partido revolucionário, composto em sua maioria por mulheres e negros, é possível lutar pelo governo direto dos trabalhadores, como forma de abrir caminho até o socialismo.

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Após grande ato vitorioso no Rio, Globo criminaliza e pacifistas concordam.



No dia 15/10, aconteceu mais uma gigantesca passeata no centro do Rio de Janeiro. O eixo central foi o apoio aos profissionais da educação que, em greve, enfrentam a imbecil intransigência dos governos fascistóides de Cabral e Paes. Esse, porém, não era o único conteúdo. O Fora Cabral e o fim da PM também eram levantados em faixas e palavras de ordem.

Após a chegada à Cinelândia, o ato enfrentou violenta repressão dos capangas legalizados do Cabral (conhecidos como PMs) que, mais uma vez, utilizou-se da suja guerra química através de bombas de gás com prazo de validade vencido ou com alta concentração. Fizeram também uso dos já conhecidos P2 infiltrados e também de armas letais (balas de verdade) contra os manifestantes. Porém, a resistência demonstrada deixou clara a disposição de luta que segue nas ruas.
Contrariando os prognósticos dos pacifistas, que diziam que as ações diretas contra o Clube Militar e a Câmara de Vereadores feitas na semana passada, afastariam as pessoas das manifestações, essa foi igual ou maior que a última. Chegou a reunir mais de 50 mil pessoas.


Polícia do Cabral parte para o confronto

Os grupos que adotam a tática do black bloc permaneceram organizados em sua coluna, porém, sem tomar qualquer iniciativa de confronto ou radicalização em qualquer prédio ou empresa. Mesmo assim  a PM agiu com violência, o que levou à necessidade de ações de auto defesa nas quais os manifestantes queimaram uma viatura e um ônibus da polícia.

A Rede Globo, sustentáculo midiático da ditadura Cabral, tem divulgado mentiras dizendo que “baderneiros mascarados” iniciaram ações de “vandalismo” e isso obrigou a PM a agir. Mentira! Foi a PM quem partiu para o confronto contra o ato e contra as barracas do Ocupa Câmara, que estavam na Cinelândia desde junho. A PM, nessa repressão brutal, fez mais de 200 presos políticos e a Globo tem ajudado em uma campanha suja para tentar criminalizar os manifestantes e o movimento.

PSTU: um desserviço à luta e uma grande ajuda à repressão

Infelizmente, mais uma vez, o PSTU fez coro com a Globo e ajudou na criminalização. Em nota divulgada no dia 16/10, o PSTU afirma:

mais uma vez após o encerramento do ato, a Cinelândia virou uma praça de guerra, com PM’s atirando bombas de efeito moral e disparando tiros com armas letais e Black Bloc’s arremessando pedras e quebrando bancos, orelhões, etc....Essas ações isoladas dos chamados Black Bloc’s prestam um desserviço ao movimento. E não contribuem para aglutinar mais pessoas em defesa da greve da educação.

Ao dizer que o confronto foi responsabilidade de uma “ação isolada” dos Black Blocs, o PSTU faz coro com a campanha criminalizadora da Rede Globo. Dizemos e mais uma vez afirmamos: a PM tomou a iniciativa de agredir manifestantes legítimos que, até aquele momento, não haviam feito qualquer ação direta. O Pacifismo do PSTU, que tem necessidade de atacar os grupos que não fogem do confronto, tem sido um inestimável serviço à repressão que precisa que cada vez mais pessoas e organizações concordem com a versão da Rede Globo.

Um outro erro frequente é dizer que as ações radicalizadas tem sido feitas exclusivamente pelos Black Blocs. Essa é uma tática para tentar enquadrar todo e qualquer manifestante que participe da resistência como se fosse pertencente a um grupo isolado. Também nisso o PSTU tem prestado uma inestimável ajuda à repressão.

Não causa espanto que mais uma vez o PSTU tenha essa atitude. Já durante a passeata, o auto intitulado comando (que não foi eleito pelos amplos setores que ajudaram a construir o ato)  tentava censurar utilizações de faíscas inofensivas nas atividades de agitação. Isso prenunciou o que acabou de fato acontecendo quando se chegou à Cinelândia: o ato terminado às pressas, devido à pressão de sindicalistas do PSTU e do PSOL.

Estamos em uma luta muito dura contra governos de milicianos e suas  polícias. Temos muitos presos políticos, desaparecidos e vários ameaçados de morte. Portanto, não podemos tolerar nenhuma criminalização por parte da Globo e dos governos e, muito menos, por parte de setores contrarevolucionários que se dizem nossos aliados.

Exigimos a imediata libertação dos presos políticos e defendemos a retomada das passeatas contra a Rede Globo na porta da sua sede. Por outro lado, não censuramos as vaias recebidas pelo PSTU em momentos da passeata. Foram uma justa resposta de organizações de trabalhadores contra um partido que, cada vez mais, tem colaborado com os inimigos da classe.

Lista dos presos políticos do Rio de Janeiro: Ninguém fica para trás!
5ª DP (Mem de Sá)
JAIR SEIXAS RODRIGUES (BAIANO) – Quadrilha ou bando
WALLACE VIEIRA GONÇALVES – Tentativa de furto
SERGIO HENRIQUE DE SOUZA LOPES - Tentativa de furto

12ª DP (Copacabana)
VICTOR GONÇALVES RIBEIRO DE SOUZA – Incêndio
DANIELA SOLEDAD DOS SANTOS BARBOSA – Incêndio
OMAR AMARAL FONTENELLE - Formação de quadrilha ou bando e corrupção de menores
WANESSA GUGLIEMI ROJAS - Formação de quadrilha ou bando e corrupção de menores
BRUNO PHELIPPE DOS SANTOS MIRANDA - Formação de quadrilha ou bando e corrupção de menores

17ª (São Cristóvão)
DOUGLAS SILVA PONTES – Formação de quadrilha ou bando
MATHEUS DA SILVA PONTES – Formação de quadrilha ou bando

19ª DP (Tijuca)
YAGO MIGLINONICO ALBANO SANTANA - Lesão corporal /Formação de quadrilha ou bando/ Corrupção de menores
MARCELO ESTEVÃO SÁ CARDOSO - Lesão corporal / Formação de quadrilha ou bando / Corrupção de menores

25ª DP (Engenho Novo)
ELISA DE QUADROS PINTO SANZI (SININHO) – Formação de quadrilha ou bando
FELIPE MACHADO FILGUEIRAS – Formação de quadrilha ou bando
ERNESTO FUENTES BRITO– Formação de quadrilha ou bando
RENATO TOMAZ DE AQUINO – Formação de quadrilha ou bando
ROBSON CORRÊA DOS SANTOS JUNIOR – Formação de quadrilha ou bando
VINICIUS CLEMENTE BAHIA – Formação de quadrilha ou bando
PATRICK LISBOA DE OLIVEIRA – Formação de quadrilha ou bando
BRUNO RIAN DELPHINO – Formação de quadrilha ou bando
FERNANDO ALEXANDER DA SILVA REIS LIMA – Formação de quadrilha ou bando
HENRIQUE COSTA PIRES – Formação de quadrilha ou bando
CLEITON FELIX DA SILVA – Formação de quadrilha ou bando
ALESSANDRO MOREIRA DE SOUZA – Formação de quadrilha ou bando
LEONARDO DE LIMA VIEIRA – Formação de quadrilha ou bando
BRUNO CAMPOS NUNES – Formação de quadrilha ou bando
RODRIGO CAMPOS CASTELLO BRANCO – Formação de quadrilha ou bando
GUSTAVO HENRIQUE DOPCKE – Formação de quadrilha ou bando
WILLIAN AUGUSTO DOS SANTOS CAMPOS – Formação de quadrilha ou bando
ADRIANO GOMES DA SILVA – Formação de quadrilha ou bando
KLEBER DE OLIVEIRA MIRANDA JUNIOR – Formação de quadrilha ou bando
IGOR CAVALCANTE MEDINA – Formação de quadrilha ou bando
JONATHAN WERDAM PIMENTA – Formação de quadrilha ou bando
TALES FABRICIO AGNES PEREIRA – Formação de quadrilha ou bando
RODRIGO PACHECO DOS SANTOS FELISBERTO – Formação de quadrilha ou bando
DENYS MENEZES SILVEIRA JACAUNA – Formação de quadrilha ou bando
RAPHAEL DE OLIVEIRA VARELA – Formação de quadrilha ou bando
THIAGO MARTINS DA SILVA – Formação de quadrilha ou bando
WALLACE PEREIRA DE SOUSA – Formação de quadrilha ou bando
FELIPPE COUTO LOURINHO MASSAL – Formação de quadrilha ou bando
PHILLIPE FRANCA DE LIMA – Formação de quadrilha ou bando
CIRO BRITO OITICICA – Formação de quadrilha ou bando
WALLACE PEREIRA DA SILVA – Formação de quadrilha ou bando
EDNEI DA SILVA COELHO – Formação de quadrilha ou bando

37ª DP (Ilha do Governador)
RAPHAEL DA CUNHA LIMA – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
FRANCISCO WELLINGTON LIMA PEREIRA –Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
ADELSON LUIS FERREIRA DA SILVA - Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
RUY RIBEIRO BARROS – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
ABADIAS VITORIANO GUAJAJARA –Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
LUIS HENRIQUE DA SILVA RODRIGUES – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
DIEGO LUCENA TAVORA – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
CLEITON JOSÉ TOMAS ALVES – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
HELCIO RAMOS MORAIS – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
BERNARDO MAGALHÃES LOPES DE SOUZA – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
JIVAGO BARROS NOVAES – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
CLAUDEVAN ALVES DOS SANTOS – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
ALLAN MANUEL MOUTEIRA - Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
LUAM GODINHO COSTA - Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
PAULO ROBERTO DE ABREU BRUNO – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
PEDRO ASSIS COSTA MARTINS - Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
GERD AUGUTO CASTELLOES DUDENHOEFFER – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
LUCAS PESTANA RABAY – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
BRUNO VINICIUS SILVA DOS SANTOS – Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando
MARCIO LOPES DA ROCHA - Dano ao patrimônio Público/Roubo/Incêndio/Formação de quadrilha ou bando

NINGUÉM FICA PRA TRÁS!''


2 comentários:

Mais lidas nesse mês:

Mais lidas do blog:

SEGUIDORES