QUEM SOMOS NÓS

Minha foto
Somos uma organização marxista revolucionária. Procuramos intervir nas lutas de classes com um programa anticapitalista, com o objetivo de criar o Partido Revolucionário dos Trabalhadores, a seção brasileira de uma nova Internacional Revolucionária. Só com um partido revolucionário, composto em sua maioria por mulheres e negros, é possível lutar pelo governo direto dos trabalhadores, como forma de abrir caminho até o socialismo.

domingo, 4 de novembro de 2012

Declaração dos delegados sindicais do BB/RJ, exigindo uma plenária pela jornada de 6 horas e contra a compensação da greve


À diretoria do Sindicato dos Bancários do Rio de Janeiro

Vimos aqui reafirmar a necessidade de que seja convocada, em caráter de urgência, uma plenária de delegados sindicais do BB, tendo em vista os seguintes aspectos :

- A enorme coação que o BB está estabelecendo , buscando punir os grevistas, seja através da pressão pela compensação dos dias ( forçando a elaboração de planos de compensação com ameaças de analise sob aspecto disciplinar ) , seja suspendendo férias e folgas . Esta ofensiva do Banco exige uma resposta a altura. Precisamos visitar os locais de trabalho , fazer reuniões, clarificar que é o BB , e não o funcionalismo, que está sistematicamente descumprindo o Acordo Coletivo.

- O BB anunciou que implantaria uma proposta sobre a jornada de 6 horas até Jan/13. A redação do acordo coletivo não nos garante absolutamente nada. Nós temos claro que a proposta gestada pelo BB incluirá diversas armadilhas para o funcionalismo. Entre elas, a proposta de redução no valor das comissões que passariam para 6 horas.Além do mais, há muita dúvidas e questionamentos sobre a proposta de CCV, contida nas ïntenções do BB, como se expressou no Seminário realizado pelo Seeb DF no dia 10/10 ( notícias publicadas no site do SeebDF ) .

Precisamos debater uma estratégia, relançar a campanha pelas 6 horas já, sem redução de salários. Esta campanha precisa preparar o funcionalismo, para que não sejamos pegos de surpresa, sem qualquer mobilização. O próprio Sindicato de Brasília realizou uma plenária de delegados sindicais no dia 16/10 para tratar este , entre vários outros temas.

Reafirmamos a responsabilidade da direção do Sindicato : se houver omissão, estaremos deixando o BB de mãos livres para pressionar os funcionários em Jan/13, levando-nos para assinarmos acordos individuais, renunciando a direitos.
Precisamos pressionar o BB, a fim de que a proposta surja com conquistas e não com ataques.

Reafirmamos que, por acordo coletivo, nós, delegados sindicais, temos direito a 10 abonos anuais para atividades sindicais, dos quais utilizamos apenas 3.

 
Assinam os delegados sindicais do BB :

Vânia Gobetti - Gecoi Rio
Murilo de Oliveira Mello Souza- Difin
Marco Aurelio Vianna - Tecnologia
André Leão - Tecnologia
Rafael Peres da Silva - Ag Ramos ( PSO )
Gilvan Araujo - Ag Aeroporto Internacional ( PSO )
Maria Cristina Medeiros - Ag Andarai ( PSO )
Rodrigo Silva do Ó - Ag São Cristóvão ( PSO )
André Quirino - Ag Méier ( PSO )
Leandro Menezes - Ag. Cinelândia (PSO)
Gustavo Melito - Ag Colombo ( PSO )
Aretha Cristina da Costa - Ag Dowtown
Rodrigo da Silva Reis - Ag Colombo Copacabana
Wagner Assunção - Ag Av Cesario de Melo
Bernardo Ferreira Jucá - Ag Almirante Gonçalves
Laura Leboso - Ag Cinelândia
Thelma Lima Santos - Ag Justiça Federal
Marcos Alvarez - Ag Estilo Catete
Achilles Correa - Ag BNDES
Fernando Luiz Gomes da Silva - Ag Bangu
Frederico Guerra Pereira - Ag Méier
Hugo Marques Cerdeira - Ag Setor Público
Patricia Vale Ribeiro - CSL
Ronaldo de Moraes Ferreira - CSL
Fernando Cordeiro Barbosa - CSL
Fabrício Brito Goyannes - CSL
Gleide Almeida da Rocha - CSL
Ney Nunes - CSL
Paulo Henrique Coutinho - CSO Valores
Paulo Ferreira ( Paulão ) - CSO Malote
Mauricio Teixeira Zanazi - GECEX RIO
Luis Otavio Almeida - Previ
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais lidas nesse mês:

Mais lidas do blog:

SEGUIDORES