QUEM SOMOS NÓS

Minha foto
Somos uma organização marxista revolucionária. Procuramos intervir nas lutas de classes com um programa anticapitalista, com o objetivo de criar o Partido Revolucionário dos Trabalhadores, a seção brasileira de uma nova Internacional Revolucionária. Só com um partido revolucionário, composto em sua maioria por mulheres e negros, é possível lutar pelo governo direto dos trabalhadores, como forma de abrir caminho até o socialismo.

domingo, 10 de junho de 2012

Viva a luta dos trabalhadores homossexuais! (junho/2007)



28 de junho
Viva a luta dos trabalhadores homossexuais!

Este dia marca o levante de Stonewall, que aconteceu em Nova Iorque em 1969. Cansados de ser achacados pela polícia, os freqüentadores dos redutos gays da cidade se enfrentaram durante dias com ela. Foi o início do moderno movimento homossexual.

Durante mais de 40 anos, este movimento conseguiu reduzir a discriminação. Mas o capitalismo é baseado na divisão e exploração dos trabalhadores. Por isso, ataca gays, lésbicas, bissexuais e trans-gêneros, agora de uma maneira mais disfarçada. Os homossexuais só podem exercer sua sexualidade em locais separados da convivência com os heterossexuais, e totalmente controlados por empresas que lucram com a segregação. Isso é o chamado “Mercado Rosa” que só é acessível aos homossexuais ricos ou de classe média.

O movimento homossexual, que deveria lutar contra isso, é controlado quase totalmente por ONGs. Além disso, apóia vários governos que atacam os trabalhadores, como o governo de Lula com a homofóbica Igreja Universal. As ONGs dependem até mesmo financeiramente do Estado e das empresas e, por isso, não têm a independência necessária para lutarem.

Por isso, é fundamental que os sindicatos e movimentos populares organizem os homossexuais para lutarem. E que só um governo direto dos trabalhadores, surgido de uma revolução socialista, pode acabar com a opressão aos homossexuais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais lidas nesse mês:

Mais lidas do blog:

SEGUIDORES